A salinha de aula dentro de casa



Gente pequena adora a escolinha. Com a quarentena em curso em diversas regiões do Brasil e do mundo, retidas dentro de casa, as crianças precisam ser envolvidas em atividades que proporcionem o desenvolvimento pleno de suas habilidades. E já que os pequenos não podem ir à escolinha, que tal trazer à escolinha até eles?


Sim, isso é possível. Aliás, para gente pequena nada é impossível. Vamos começar?

É muito importante que as crianças sejam envolvidas em cada etapa desse projeto pedagógico.


Primeiro passo: escolham o local da salinha de aula


Em primeiro lugar, escolha, com elas, um cômodo ou um cantinho da casa que será transformado em sala de aula. Escolheram? Pronto. Agora, posicionem uma mesinha e uma cadeira para cada criança, outra para o professor e outra para a auxiliar de classe, se tiver. Olhem aí uma função quem combina bem com o maridão! Auxiliar de classe da salinha de aula de mentirinha da sua casa.


Segundo passo: decorem a salinha de aula


Modo geral, quando a criança chega à salinha de aula já está toda pronta e decorada. Desta vez, não vai ser assim. Vocês vão decorar a salinha juntos. Gente, nas mídias sociais da Rede Pedagógica - Facebook, Instagram e YouTube-, você encontra diversas sugestões de decoração para sua salinha de aula. Não podem faltar um muralzinho com um semáforo do comportamento, um calendário, os combinados, as palavras mágicas.


É importante que a decoração contemple também outros elementos gráficos de apresentação dos principais conteúdos que você vai trabalhar com as crianças durante esse ciclo em quarentena, como alfabeto, numerais e operações básicas.



Terceiro passo: realizem atividades


Já sugerimos atividades bem bacanas em um blog anterior. É necessário que vocês trabalhem atividades que estejam no contexto do plano de ensino da escola. A maioria dos estabelecimentos de ensino está disponibilizando atividades para serem desenvolvidas no período de suspensão das aulas.


Além disso, vocês podem usar como parâmetro, na seleção de conteúdos, os livros didáticos do ano em curso. Peça ajuda à escola para planejar melhor esse programa de estudos domésticos.


Recomendamos que você monte as atividades com as crianças. Procurem utilizar, nesse processo, embalagens, rolinhos de papel higiênico (bem higienizados) ou rolos de toalha de papel, cotonetes, papelão, garrafas pet e artigos semelhantes. Assim, as atividades farão muito mais sentido para a criança e renderão melhores resultados.



Esse projeto de escolinha em casa, obviamente, não substitui a escolarização regular das crianças, mas certamente vai ajudar em seu desenvolvimento. Os pequenos não podem ficar parados sem atividades durante a quarentena, desperdiçando o tempo com vídeos superficiais no YouTube ou com joguinhos eletrônicos sem conotação pedagógica.


Vamos então implementar esse projeto? Fique à vontade para enviar, pelo e-mail sac@redepedagogica.com.br, fotos ou vídeos de seu projeto para publicarmos nas mídias sociais da Rede Pedagógica. Temos certeza de que vai ser bem proveitoso para as crianças e para você.

Edvaldo Fernandes da Silva

Pós-Doutorando em Ciência Política, Doutor em Sociologia, Mestre em Ciência Política, jornalista, advogado, professor de Educação Básica (1991-1996), professor universitário e cofundador da Rede Pedagógica.




2,705 visualizações
Icon_faça-parte-3.png
Sem título-9.png
Icon_EAD-3.png
Botão_idiomas.png

(31) 3913-9939

Icon_Instagram.png
Icon_Facebook.png
Icon_Youtube.png
Icon_WhatsApp.png
Icon_Twitter.png

(31) 9300-6486

whatsapp.png

©2020 by Rede Pedagógica.