Quem conta um conto aumenta um ponto...

Atualizado: 15 de Ago de 2019



Sete sugestões para encantar gente pequena por meio da contação de histórias

Gente, a contação de histórias é tão antiga quanto a humanidade. Quando grandes mestres, como Sócrates e o Cristo, queriam passar um ensinamento para toda a vida milhares de anos atrás, em geral contavam uma história. E quem aí não tem memórias fantásticas da infância recheadas em rodinhas de contação de história de noites de lua clara?

A contação de história é uma ferramenta indispensável à educação de crianças, porque penetra em camadas profundas da cabecinha de gente pequena. Uma história bem contada, emociona, ensina, muda para sempre a vida do participante (isso mesmo! Quando a contação é feita do jeito certo, a criança não apenas ouve, mas **vive** a história.



Pessoal, aqui vão 7 sugestões para otimizar a contação de histórias para gente pequena.


1. Escolha muito bem a história a ser contada. Leia, ouça e ensaie várias vezes a história. Pode-se dizer que 70% do sucesso da contação de história se deve à etapa de planejamento e preparação.


2. Antes da sessão de contação de histórias, prepare o espírito dos pequenos, para que comecem a imaginar desde logo o que vai acontecer. Estimular a curiosidade dos pequenos é uma estratégia fundamental a uma contação que faz diferença na educação da meninada.


3. A contação de história atua fundamentalmente na imaginação, mas as fantasias não brotam do vazio. É muito importante que você monte um cenário condizente com a história, que se caraterize e que utilize durante a sessão de elementos concretos, como bonecos e objetos, que sirvam de gatilho para a imaginação.



4. Preste muito cuidado à dimensão dos sons inerentes à contação de história. O primeiro contato dos pequenos com o mundo exterior é através dos sons. A voz da mamãe, do papai, os sons do ambiente são elementos que desencadeiam o processo de imaginação de gente pequena desde a gestação. Treine bastante sua dicção, ajuste o ritmo, o timbre e a intensidade de sua voz aos acontecimentos e ao contexto da história. Use e abuse das onomatopeias. Enriqueça o script com rimas e poesias. .A magia da contação (epifania) ocorre quando os pequenos se transportam da realidade material para dentro da história.


5. Assimile e utilize recursos do teatro. Regra geral, a dinamicidade da história depende da qualidade dos diálogos. Tente reproduzir as falas e os gestos dos personagens da maneira como você imagina que seriam. Improvise, provoque a participação da plateia. Tudo isso vai enriquecer demais essa grandiosa experiência.


6. Em uma de história não pode faltar humor. A risada das crianças é o climax da contação. As histórias mais dramáticas têm o seu lugar, mas o ambiente feliz, colorido, encantado, é o que mais agrada aos pequenos. O mais legal das piadas, tiradas e ironias, que arrancam risadas da plateia, é serem bem encaixadas no enredo. Invista também nesse recurso.


7. Incorpore efeitos especiais para aumentar o realismo da contação. Por exemplo: você pode usar um secador de cabelo para reproduzir o sopro do Lobo Mau na história dos Três Porquinhos ou utilizar essas bombinhas que estouram no chão para representar os tiros do caçador na contação de Chapeuzinho Vermelho. Tenha toda a atenção para não provocar acidentes na atenção. Assim, a sua história não teria final feliz.***


752 visualizações2 comentários
Icon_faça-parte-3.png
Sem título-9.png
Icon_EAD-3.png
Botão_idiomas.png
Icon_Instagram.png
Icon_Facebook.png
Icon_Youtube.png
Icon_WhatsApp.png
Icon_Twitter.png
Icon_Telegram.png

(31) 3913-9939

(31) 9300-6486

whatsapp.png

©2020 by Rede Pedagógica.